domingo, 24 de fevereiro de 2013

GARÇA-VAQUEIRA - Bubulcus ibis (Cattle Egret)

GARÇA-VAQUEIRA - Nome em Inglês: Cattle Egret - Nome Científico: Bubulcus ibis

Esta é uma ave da Ordem dos Pelecaniformes da Família dos Ardeídeos (Ardeidae). É uma garça campestre, predominantemente insetívora mas também pode comer vertebrados como peixes e sapos. Esta garça é nativa do norte da África e do sul da Europa (mais especificamente na Península Ibérica), com primeiro registro na América, na fronteira da Guiana com o Suriname em 1877,tendo aparentemente cruzado o Atlântico e no Brasil seu primeiro registro foi no ano de 1965,na Ilha de Marajó.

É conhecida também como garça-carrapateira, garça-boiadeira, garça-boieira, cunacoi e cupara. A espécie mede cerca de 46–56 cm de comprimento,sua envergadura varia de 88–96 cm,pesa entre 270 e 512 gramas, pescoço curto e espesso, bico robusto e postura encurvada. Fora da época de reprodução os adultos possuem principalmente uma plumagem branca, bico amarelo e pernas amarelo-acinzentadas. Durante a época de reprodução, adultos da subespécie ocidental (veja logo abaixo) desenvolvem plumagem laranja-amarelo-amarronzado na parte traseira, peito e coroa, e no bico, as pernas e as íris tornam-se vermelho brilhante por um breve período antes da união para acasalamento. O macho é ligeiramente maior e tem um pouco mais de plumagem de reprodução do que a fêmea; filhotes não tem plumagem colorida e têm um bico preto.


Procura alimento, de um modo geral, em espaços secos, campos de cultivo, podendo, no entanto, ser encontrada nas margens de lagos e pântanos. É capaz de subsistir em zonas secas, sem nenhuma água, durante um espaço de tempo relativamente longo. Frequentemente avistada entre o gado que pasta ou atrás das máquinas agrícolas que lavram a terra. Seu voo é com batimento lento, poderoso e regular das asas, com o pescoço retraído e as patas projetadas. Ativa e de grande mobilidade. Voa em bandos pouco ordenados (Veja o vídeo abaixo).

video


As imagens e o vídeo desta postagem eu fiz em Bela Vista-MS, cidade na divisa do Brasil com o Paraguai. Estávamos na Pousada Princesa do Apa quando elas chegaram para dormir em umas arvores que ficam em uma ilha artificial.


"A Natureza é repleta de belezas que encantam as pessoas que nela prestam atenção!" 


©Geancarlo Merighi





Fontes das informações técnicas:

Sites:

http://www.wikiaves.com.br/ (Acesso em  24/02/2013)
http://www.wikiaves.com.br(Acesso em  24/02/2013)





Livro:





GWYNNE, J. A.; RIDGLELY, R. S.; TUDOR, G.; ARGEL, M. Aves do Brasil - Cerrado & Pantanal. Ed. Horizonte - SP - 2010.



sábado, 23 de fevereiro de 2013

POMBÃO - Patagioenas picazuro (Picazuro Pigeon)


Esta é uma ave da Ordem Columbiforme da Família dos Columbídeos (Columbidae). Também conhecida como asa-branca, pois, quando voa, aparece uma faixa branca na parte superior das asas, o que lhe dá o nome popular, principalmente no nordeste brasileiro de "Asa-Branca". Eternizado pela música brasileira, este pombo e sua resistência à seca no Nordeste inspiraram Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira a criarem a música Asa BrancaMede aproximadamente 34 centímetros. Alimenta-se de sementes e pequenos frutos geralmente coletados no solo. São granívoros e frugívoros, frequentando roças de milho e feijão, principalmente após a colheita. Seu canto baixo, profundo e rouco, de três a quatro sílabas: “gu-gu-gúu”, “gú-gu-gúu”, ouça seu canto:


Avistei as aves das imagens desta postagem no Parque das Nações Indígenas em Campo Grande-Ms, entretanto, é uma ave comum em toda parte urbana da cidade.

Geancarlo Merighi



segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

ROLINHA-PICUI - Columbina picui (Picui Ground-Dove)

ROLINHA-PICUI - Nome em Inglês: Picui Ground-Dove - Nome Científico: Columbina picui

Esta é uma ave da Ordem Columbiforme da Família dos Columbídeos (Columbidae), que inclui os pombos, pombas, rolas e rolinhas. Em latim Columbus significa pomba, e vários nomes de gêneros derivam desta denominação. São aves muito comuns nos meios urbanos. A Rolinha-picui é também conhecida por outros nomes comuns como rola-pajeú, rola-de-são-josé, rolinha-picui e rolinha-branca.

Esta rolinha pode ser encontrada nos seguintes países: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Paraguai, Peru e Uruguai. É comum em regiões semi-abertas, capoeiras, beiras de matas mesófilas, matas secas, cerrados, plantações, campos e pastos sujos ou “tigüeras”. Aparece nas proximidades da orla marítima nos campos litorâneos. Vive em casais ou pequenos grupos, algumas vezes misturando-se às outras rolinhas. Ocupa ambientes abertos.



No Pantanal, domina um tom pardo-amarronzado. Na asa, a listra escura (iridescente, sob ótimas condições de luz) é característica. Ao voar, destaca-se a grande área branca da asa e outra área branca na cauda. Ao levantar voo, tais áreas brancas podem confundi-la com a Fogo-apagou. Íris arroxeada, com uma fina listra escura até o bico. Alimenta-se de grãos. 


Está é uma ave muito comum em Campo Grande e em todo Estado de Mato Grosso do Sul. As imagens desta postagem foram feitas em Campo Grande sendo que a primeira foi feita na área urbana e a segunda em uma região semi-urbanizada com uma reserva de mata conservada.

"A Natureza é repleta de belezas que encantam as pessoas que nela prestam atenção!" 


©Geancarlo Merighi




Fontes das informações técnicas:

Sites:

http://en.wikipedia.org (Acesso em  18/02/2013)
http://www.wikiaves.com.br(Acesso em  18/02/2013)



Livro:



GWYNNE, J. A.; RIDGLELY, R. S.; TUDOR, G.; ARGEL, M. Aves do Brasil - Cerrado & Pantanal. Ed. Horizonte - SP - 2010.




quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

ARIRAMBA-DE-CAUDA-RUIVA (Galbula ruficauda)


NOME EM INGLÊS: RUFOUS-TAILED JACAMAR

ORDEM: GALBULIFORMES

FAMÍLIA: GALBULIDAE

Registro feito no Parque das Nações Indígenas em Campo Grande/MS.

GEANCARLO MERIGHI

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

CANÁRIO-DO-CAMPO (Emberizoides herbicola)



NOME EM INGLÊS: WEDGE-TAILED GRASS-FINCH

ORDEM: PASSERIFORMES

FAMÍLIA: EMBERIZIDAE

Registrei esta espécie no município de Terenos - Mato Grosso do Sul - Brasil. O local está sempre nos proporcionando gratas surpresas com espécies raras e vulneráveis, além das mais comuns como esta desta postagem. 

Ouça a vocalização desta ave:



GEANCARLO MERIGHI


domingo, 10 de fevereiro de 2013

PERIQUITO-REI - Eupsittula aurea (Peach-fronted Parakeet)


NOME EM INGLÊS: PEACH-FRONTED PARAKEET

ORDEM: PSITTACIFORMES

FAMÍLIA: PSITTACIDAE

Este registro foi feito em Campo Grande-MS na Região da Lagoa Nova. É uma espécie bem comum e pode ser observada em qualquer local com área verde conservada, principalmente onde existam frutos, cocos e flores que fazem parte da sua alimentação.

GEANCARLO MERIGHI

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

CURICACA (Theristicus caudatus)


NOME EM INGLÊS: BUFF-NECKED IBIS

ORDEM: PELECANIFORMES

FAMÍLIA: THRESKIORNITHIDAE


Ave facilmente avistada em Campo Grande em em praticamente todo Mato Grosso do Sul, mesmo em ambientes urbanos. Registrei esta ave em Jardim na RPPN Buraco das Araras. 

Ouça a vocalização desta ave:



GEANCARLO MERIGHI

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

MARACANÃ-PEQUENA - Diopsittaca nobilis (Red-shouldered Macaw)

MARACANÃ-PEQUENA - Nome em Inglês: Red-shouldered Macaw  - Nome Científico: Diopsittaca nobilis

Esta é uma ave da Ordem Psittaciforme da Família dos Psitacídeos (Psittacidae). É um maracanã encontrada em cerrados e beira de matas, da Venezuela e do Suriname ao Brasil. Também é conhecido pelos nomes de ararinha, ararinha-nanica, arara-nanica e maracanã, maracanã-nobre.

Possui cerca de 30 cm de comprimento, fronte azul, cara branca, encontro e coberteiras inferiores vermelhos, extremo da asa azul. Quando está em voo, vê-se a base da asa vermelha, borda da asa amarela e rabo oliva-dourados. A pele nua em volta dos olhos é característica de sua espécie.


Alimenta-se de coquinhos, frutos do coqueiro, principalmente do caroço.

Avistei esta ave em Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil.

"A Natureza é repleta de belezas que encantam as pessoas que nela prestam atenção!" 


©Geancarlo Merighi



Fontes das informações técnicas:

Sites:

http://en.wikipedia.org (Acesso em  06/02/2013)
http://www.wikiaves.com.br (Acesso em  06/02/2013)

SAVACU (Nycticorax nicticorax)


NOME EM INGLÊS: BLACK-CROWNED NIGHT-HERON

ORDEM: PELECANIFORMES

FAMÍLIA: ARDEIDAE

Registrei esta em diversos locais de Mato Grosso do Sul. O registro desta postagem foi feito em Campo Grande/MS em um alagado, onde comumente são encontrados, repleto de Buritis. Ele é comum em locais alagados, lagoas e vazantes (no caso do Pantanal), principalmente onde haja poleiros para que ela possa observar a água para caçar sua alimentação. É também conhecida como Garça-da-noite, Dorminhoco ou Socó-dorminhoco.

GEANCARLO MERIGHI

SANHAÇU-DO-COQUEIRO - Tangara palmarum (Palm Tanager)


Esta é uma ave da Ordem Passeriforme da Família dos Traupídeos (Thraupidae). Também chamado popularmente de sanhaço-pardo e sanhaçu-verde, é um endêmico pássaro latino-americano, pertencente à família dos tiês e sua alimentação é a base de frutas, néctar e insetos. Bem comum em Mato Grosso do Sul essa ave é relativamente fácil de ser avista em locais com vegetação conservada, em especial, sobre as folhas dos coqueiros. 

This is a passerine bird of the Order of the Family of tanagers (Thraupidae). Also popularly called tanager-brown and green-Tanager is a bird endemic to Latin America, belonging to the family ties and their food is fruit, nectar and insects. Common good in Mato Grosso do Sul, this bird is relatively easy to sighting in places with vegetation preserved, especially on the leaves of the coconut trees.

Geancarlo Merighi



segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

SUIRIRI-CAVALEIRO (Machetornis rixosa)



NOME EM INGLÊS: CATTLE TYRANT

ORDEM: PASSERIFORMES

FAMÍLIA: TYRANNIDAE

Este registro foi feito no Parque das Nações Indígenas em Campo Grande-MSNo Estado de Mato Grosso do Sul são bem comuns e podem ser encontrados facilmente nas cidades bem como na zona rural. Seu nome popular é fruto de seu costume de pousar sobre o dorso dos animais para parasitar seus carrapatos.

Ouça a vocalização desta ave:


GEANCARLO MERIGHI

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

PERIQUITO-DE-ENCONTRO-AMARELO - Brotogeris chiriri (Yellow-chevroned Parakeet)

PERIQUITO-DE-ENCONTRO-AMARELO - Nome em Inglês: Yellow-chevroned Parakeet - Nome Científico: Brotogeris chiriri

Esta é uma ave da Ordem Psittaciforme da família dos Psitacídeos (Psittacidae)Também conhecido como periquito-de-asa-amarela e periquito-estrela. 

Apresenta uma faixa amarela nas coberteiras superiores das rêmiges secundárias de cada asa, isto é, na região superior das asas e uma coloração amarelo-esverdeada em sua face. Os indivíduos adultos medem de 22,0 a 23,5 centímetros de comprimento, cauda 10 centímetros e asas cerca de 12,5 centímetros. Possui bico resistente e de cor branco-amarronzada, pelo qual parte seu alimento. Ao redor de seus olhos escuros, existe uma delimitação branca formada apenas pela pele. Possui difícil diferenciação sexual.



Sua dieta compreende sementes e frutos. Estas aves podem ser encontradas em campos de vegetação baixa, ilhas de matas intercaladas, matas ciliares, cerrados e cerradões. Desloca-se em bandos, muitas vezes de muitos indivíduos. Adaptou-se aos ambientes urbanos, onde tornou-se muito comum.






Esta ave é bem comum em Campo Grande e em Mato Grosso do Sul. Fiz estas imagens em diversos locais da cidade. Eles aproximam-se bastante dos locais onde estão pessoas, como se pode notar na terceira imagem que fiz, onde o periquito-de-encontro-amarelo pouso e ficou durante um grande período em uma arvore em frente a sacada do meu apartamento não se importando com a movimentação de pessoas e carro do local.


"A Natureza é repleta de belezas que encantam as pessoas que nela prestam atenção!" 


©Geancarlo Merighi



Fontes das informações técnicas:

Sites:

http://www.wikiaves.com.br (Acesso em  01/02/2013)